Lançamento: livro conta a História das ideias do Neoliberalismo

Arts
Quinn Slobodian

O livro Globalistas: O fim do Império e o nascimento do neoliberalismo, de Quinn Slobodian, traduzido por Olivir Freitas e prefácio de Tatiana Roque conta a história das ideias neoliberais e ajuda a compreender a realidade presente.

O neoliberalismo, rótulo frequentemente repudiado por liberais de diversos matizes, não se resume a uma doutrina econômica ou ao conjunto de medidas políticas associadas à redução do papel do estado na economia, tampouco reflete exclusivamente a ideia de contraposição entre Estado e economia.

Quer entender por onde ele andou na história da humanidade nos últimos séculos? Acompanhe como um bom leitor(a), do que se tratar a narrativa construída pelo Quinn Slobodian, historiador e professor no Wellesley College. Vai ser um release rápido e objetivo, prometo.

O que é, e por onde andou o neoliberalismo?

O neoliberalismo como corpo de pensamento e seus embaixadores da Escola de Genebra tiveram profunda influência política, econômica e cultural no mundo contemporâneo. Enquanto escola de pensamento e como movimento político, foi criado e difundido pelos intelectuais reunidos na Escola de Genebra.

Sua influência é notável na história política, econômica e cultural ao longo do século XX e seus atores tiveram participação, direta ou indireta, voluntária ou involuntária, na constituição, direção e funcionamento de órgãos multilaterais de caráter planetário, como a Liga das Nações, mais tarde substituída pela Organização das Nações Unidas, e a maior criação atribuída a seus integrantes: a Organização Mundial do Comércio (OMC).

Especialmente inovador é o seu argumento sobre o que denomina a Escola de Genebra, uma fé presente nas instituições de comércio internacional que defende a criação de uma “constituição econômica mundial” para garantir a mobilidade e acumulação de capital. O neoliberalismo compõe uma série de soluções, é possível extrair do argumento, destinadas a manter intactos os lucros privados  – que a Escola de Genebra ativa e conscientemente procurou moldar, junto com burocracias imperiais, lobistas empresariais, ativistas de certos matizes e uma série de outros atores.

O que propõe o livro Globalistas?

O Globalistas faz uma excelente pesquisa, levanta e explica o desenvolvimento do neoliberalismo, seus princípios fundamentais e sua direção. É também uma réplica às análises preguiçosas do neoliberalismo, que se concentram apenas em aspectos da política econômica ou reforma, e não nas outras arenas da vida humana – cultura, política, relações internacionais, etc.

Em uma séria análise centrada na época que vai de antes da Segunda Guerra Mundial (1920) até a queda do muro de Berlim (1990), Quinn Slobodian radiografa a ascensão do globalismo, ou “ordoglobalismo”, como um processo revolucionário que experimentou ditaduras, ou Estados fortes, para perpetuar um mundo finalmente unificado pelo livre fluxo de mercadorias.

O autor recria em ricamente detalhada narrativa o nascimento do neoliberalismo a partir das ruínas dos antigos impérios europeus. Contudo, não aponta para uma substituição de modelos, mas para uma ampliação de sua escala. O neoliberalismo, portanto, não deixa de ser doutrina econômica, mas vai além e se estabelece como uma Ordem Global.

Globalistas é um livro completo, valioso e revigorante, que nitidamente define e examina os componentes intelectuais e práticos do neoliberalismo de uma maneira que é digna de elogio.

Quem é o autor?

O Quinn Slobodian é canadense, mas vive em Cambridge, MA e é autor do premiado Globalistas: O fim do Império e o nascimento do Neoliberalismo (original publicado pela Harvard University Press, 2018), que tem tradução para nove línguas (agora em Português). É colaborador frequente na imprensa, escreve para The Guardian, Foreign Policy, Dissent, The Nation, New Statesman e New York Times. É historiador e professor da Wellesley College.

Ficha técnica:

Globalistas: O Fim do Império e o Nascimento do Neoliberalismo (Harvard University Press, 2018)

Autor: Quinn Slobodian

Tradutor: Olivir Freiras

Prefácio: Tatiana Roque

ISBN: 978-65-992476-3-7

Formato: 16×23 cm

nº de páginas: 358

Editora: Enunciado Publicações

A edição brasileira de Globalistas está em pré-venda pela Enunciado Publicações. Acesse o site da editora: enunciado.com.br

Conteúdo produzido para Enunciado Publicações.


Polippo

Polippo

Sou uma pessoa livre, que vive pelos cafés, bibliotecas, espaços de coworking e sofás trabalhando remoto. Nas horas vagas, você vai me ver pelas ruas pedalando, lendo, escrevendo ou fotografando. Gosto de ouvir música velha, assistir shows de bandas independentes, ver filmes clássicos e frequentar peças de teatro. Adoro receber amigos em casa, ter ideias inspiradoras e me conectar com a natureza.
http://nvlo.com.br